Corredor Metropolitano Itapevi - São Paulo

Conhecido também como Corredor Oeste, o novo sistema promoverá maior mobilidade à população, por conta de sua integração com a rede sobre trilhos: estações da CPTM e do Metrô. Sua implantação visa melhorar as condições locais e impulsionar o desenvolvimento dos municípios.

As melhorias viárias e a instalação de baias nos pontos de parada aumentarão a fluidez do tráfego geral, refletindo diretamente no tempo de viagem dos usuários, que diminuirá de 25 para 10 minutos, aproximadamente.

O Corredor Metropolitano Itapevi – São Paulo (Butantã) terá seu ponto inicial no Terminal Itapevi, junto à estação da CPTM e seguirá até o Terminal Vila Yara na capital paulista. Terá 23,6 km de extensão, abrangendo os municípios de Itapevi, Jandira, Barueri, Carapicuíba, Osasco e São Paulo (zona oeste) que, juntos, somam cerca de 12,5 milhões de habitantes. O corredor concluído beneficiará em torno de 90 mil de passageiros / dia.

Estágios do Projeto

• Trecho prioritário Itapevi – Jandira (5 km)
Começaram em abril de 2011 as obras de construção do trecho prioritário de 5 Km entre as cidades de Itapevi e Jandira, fazendo a interligação das Estações da CPTM Itapevi, Engenheiro Cardoso, Sagrado Coração e Jandira. Nesse trajeto o projeto prevê a construção do Terminal Itapevi e de mais três estações de transferência, novo viário com duas faixas por sentido, 5 pontos de parada nos dois sentidos, viaduto sobre a Rua Ameríndia, passarela sobre a via férrea e calçadas compartilhadas com  ciclovia.

Nesse trecho, será construído o Terminal Itapevi e as Estações de Transferência Conjunto Habitacional Cardoso, Rosa Maria e Jandira, além dos 5 Km de viário, cujos trabalhos estão voltados, no momento, para os serviços de drenagem, pavimentação em alguns trechos, remanejamento de interferências por parte da Sabesp e da Eletropaulo. Por ele circularão 10 mil usuários/dia.


• Trecho Jandira - Osasco Km 21 (11 Km)
Esse projeto prevê a construção de dois terminais (Carapicuíba e Osasco Km 21) e da Estação de Transferência de Barueri. O trecho beneficiará cerca de 30 mil usuários / dia e será entregue em 2014. 
 

• Trecho Osasco Km 21 – Terminal Vila Yara - Osasco (7,6 Km) 
Serão construídos dois terminais, 18 pontos de parada nos dois sentidos e duas faixas de viário nos dois sentidos.

 

Dados Gerais

•  O Corredor beneficiará 90 mil passageiros/dia

•  Extensão total  de 23,6 Km de extensão.

• Previsão de trajeto Itapevi – Jandira em 10 minutos.

• Trecho Itapevi - Jandira com demanda diária prevista de 10 mil usuários.

•  Estações Itapevi e Jandira terão integração física com a CPTM.


Mapa do Corredor Itapevi-São Paulo