16/08/2016 - Começa a instalação do Sistema de Porta de Plataforma no VLT da Baixada Santista



O Sistema de Porta de Plataforma (PSD – Plataform Screen Doors) do VLT da Baixada Santista começou a ser instalado nas estações do trecho entre Barreiros, em São Vicente, e a Estação Porto. A Estação Bernardino de Campos, em Santos, é a primeira a receber este equipamento que tem a função de organizar o embarque no veículo, propiciando ainda mais segurança aos passageiros. É similar ao existente na Linha 4 Amarela do Metrô de São Paulo e representa um investimento de R$ 35,5 milhões.

O Consórcio Bosung-Arquitrave, contratado pela EMTU/SP por meio de licitação pública, fornecerá 15 Sistemas de Porta de Plataforma. O processo de instalação iniciou com a fixação das colunas e vigas de suporte em aço galvanizado que fazem parte da infraestrutura fabricada no Brasil. Na Coréia do Sul foram fabricados os sistemas eletromecânicos e os vidros laminados com espessura de 8 milímetros e película interna que bloqueia o excesso de luminosidade e filtra os raios ultravioleta, assegurando mais conforto aos usuários nas estações.       

Por ser um equipamento inédito no Brasil para um transporte operado por VLT´s, os técnicos do Consórcio estão analisando o tempo médio que deve levar a montagem na Estação Bernardino de Campos. Depois desta estação, a próxima a receber o Sistema de Porta de Plataforma (PSD) será a Mascarenhas de Moraes, em São Vicente.

O Sistema Integrado Metropolitano da Baixada Santista opera atualmente com seis VLT´s que atendem hoje nove estações no trecho Barreiros - Porto. Das 66 linhas de ônibus metropolitanas, 37 são integradas com o Veículo Leve sobre Trilhos.


Atualizado em: 16/08/2016 11:01:51