Porque o Brasil

O “Projeto Ônibus Brasileiro a Hidrogênio” foi escolhido pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e Global Environmental Facility (GEF) como piloto na América Latina. O objetivo é auxiliar os países em desenvolvimento na adoção de projetos que busquem soluções para amenizar as emissões de gases do efeito estufa e seus impactos nas mudanças climáticas.


Diversos fatores foram considerados na seleção do projeto brasileiro:

Aspectos econômicosAspectos ambientais
O Brasil é uma economia emergenteSão Paulo tem um dos maiores problemas de poluição urbana em nível mundial
O Brasil é o maior mercado mundial de ônibusOs veículos com motores de combustão interna são responsáveis por 90% das emissões de poluentes na atmosfera
O Brasil é o maior produtor mundial de ônibus – 50 mil/anoA maioria dos ônibus tem motores a diesel com alta emissão de gases tóxicos e poluentes e materiais particulados
O Brasil é um dos maiores exportadores mundiais de ônibusHá várias fontes de energia para obtenção de hidrogênio no Brasil
Os ônibus possuem papel importante no transporte urbano brasileiro e a frota de ônibus na Região Metropolitana de São Paulo é a maior do mundo.O Brasil é líder na redução de gases de efeito estufa (GHG) devido ao uso de energia renováveis como o etanol e tem sua matriz energética basicamente calcada em hidroelétrica.



Links relacionados: